Imagem Projeto do Centro Cultural BNB é apresentado na Câmara

Projeto do Centro Cultural BNB é apresentado na Câmara

Arquivo

29/09/2009 22:05:00


Na sessão que discutiu a implantação do Centro Cultural do Banco do Nordeste (BNB), Enilton Parente Menezes, gerente de cultura do BNB, apresentou o projeto, ressaltando que Vitória da Conquista é a única cidade baiana a receber o equipamento. Menezes ressaltou que a política de valorização da cultura regional é norteador para a formação da cidadania cultural nas cidades onde o Centro é implantado.
Menezes ressaltou que, além da construção do prédio, o BNB se responsabiliza pela manutenção do Centro Cultural, que vai contar com biblioteca, teatro, auditório multifuncional, espaços de acesso à internet, salão de exposição da produção de artesãos locais e espaço para realização de eventos. “O último Centro Cultural que abrimos, no alto sertão paraibano, conta com o que há de melhor em tecnologia”, ressaltou.
O gerente de cultura citou exemplos do sucesso dos outros três centros culturais que já foram implantados, que contam com uma visitação, em média, de 1.200 pessoas por dia. “Todas as atividades desenvolvidas são gratuitas. Há espaço para todas as tendências culturais. Nosso público alvo é a comunidade nordestina, que vai vivenciar o cotidiano do Centro Cultural”, afirmou.
A parceria com a Prefeitura foi destacada por Menezes, como fundamental para a viabilidade da construção do Centro. “A implantação é feita em várias etapas. Após a doação do terreno, vamos promover um seminário para discutir o processo de forma mais ampla. Daí em diante, vários encontros serão realizados, para identificar as demandas da cidade”, informou.
Serão investidos mais de R$ 5 milhões no Centro Cultural, que será construído na Praça Sá Barreto, em Vitória da Conquista. O Centro terá por objetivo fomentar a cultura local e regional, além de incentivar produções voltadas para o público infantil, idosos e portadores de necessidades especiais. Para manutenção do Centro, o Banco do Nordeste destinará R$ 1,6 milhão por ano.
Projeto técnico é apresentado – José Capelo Filho, engenheiro responsável pelo projeto, afirmou que o terreno escolhido para a construção do Centro Cultural visa a facilidade do acesso da população carente. Aqui em Vitória da Conquista o local escolhido seguindo o critério de ser acessível à população. 
O local escolhido foi terreno na praça Sá Barreto, no Bairro Cruzeiro, zona densamente povoada e de fácil acesso. Filho explicou aos vereadores e demais pessoas presentes na sessão as mudanças que serão feitas para adequar a praça para a construção do prédio do Centro Cultural. “O BNB vai dar manutenção constante ao Centro Cultural. Estou feliz em poder fazer parte deste momento de concretização do projeto”, declarou.
 



  Live Offline
Rádio Web Câmara
Facebook
Calendário

Janeiro 2022
0

Seg

Ter

Qua

Qui

Sex

Sab

Dom

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31