Imagem Babão comemora inaugurações e anúncio de obras durante os 181 anos de Vitória da Conquista

Babão comemora inaugurações e anúncio de obras durante os 181 anos de Vitória da Conquista

Câmara de Vitória da ConquistaSessão OrdináriaNotíciaPCdoBRicardo Babão

10/11/2021 11:10:00


Durante a Sessão Ordinária desta quarta-feira (10), o vereador Ricardo Babão (PCdoB) comentou sobre as atividades de celebração dos 181 anos de emancipação política do município de Vitória da Conquista, na última terça-feira (09). Ele relatou sua alegria com o aniversário da cidade, principalmente com as inaugurações que aconteceram durante o dia, referindo-se à entrega das obras da Praça Desembargador Mármore Neto, Feira do Vila América e Praça Santa Mônica. “Esse é o papel do executivo, do gestor, é o papel do vereador”, comentou Babão.

O parlamentar afirmou que as obras são fruto da aprovação do Finisa pela Câmara Municipal. “Os vereadores que estavam nesta Casa têm participação”, disse, e acrescentou: “Nós não podemos deixar de lembrar que essa Casa tem responsabilidade e também faz parte dessas obras que estão sendo inauguradas”, completou.

Ricardo também destacou a vinda do governador Rui Costa (PT) a Vitória da Conquista, para a inauguração da pavimentação da estrada do Iguá, e afirmou que a política deve ser feita com amor no coração, pensando na população. Destacou ainda o anúncio de outras obras, como a estrada de São Sebastião, a duplicação da Avenida Presidente Vargas, revitalização da estrada da Barra e a junção dos colégios Centro Integrado e Polivalente.

Auxílio Brasil – O vereador criticou comentários de colegas parlamentares sobre a votação da Câmara dos Deputados para viabilização do Auxílio Brasil, programa que vai substituir o Bolsa Família. “Quando eu ouço aqui o colega falar que a esquerda vota contra o Bolsa Família, eu acho que ele nasceu ontem ou então não vive no Brasil”, disse Ricardo, que completou: “Ou então ele, esse colega, nunca passou necessidade pra receber o Bolsa Família.”

Babão afirma que quem mais lutou pelo social foi o grupo da esquerda e deixou claro não estar falando mal do pensamento do colega, que “pensa do jeito que quiser”. Porém, reforçou ser contra o pensamento de dizer que a esquerda vota contra àquele que mais precisa. Ressaltou que foram os representantes dos partidos de esquerda que lutaram para que o auxílio, iniciado em 200 reais, passasse a ser de 600 reais.

O vereador deixou claro de que o que foi votado contra pelos deputados do PT e do PCdoB foi a chamada PEC dos Precatórios, que visa flexibilizar o pagamento das dívidas da União já reconhecidas pela Justiça, sem possibilidade de novos recursos. 

 



  Live Offline
Rádio Web Câmara
Facebook
Calendário

Janeiro 2022
0

Seg

Ter

Qua

Qui

Sex

Sab

Dom

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31